Por que o congelador fica na parte superior da geladeira?

12 de Setembro de 2012 at 9:31 Deixe um comentário

Marcio Anicete dos Santos 
Aluno do 3º ano do curso de Licenciatura em Física (2011)

A matéria é constituída por partículas (átomos, íons ou moléculas) que vivem em constante agitação, a esse movimento “mexe-mexe das partículas” chamamos de agitação térmica.

Quando aumentamos a temperatura de um corpo, automaticamente aumenta a energia desse corpo, fazendo com que os átomos, íons ou moléculas se agitem mais. Se diminuir a temperatura de um corpo, logo esse corpo perde energia e os átomos, íons ou moléculas se agitam menos.

Considerando a figura acima, imaginamos que as três situações são compostas por um mesmo gás. Na primeira situação há uma pequena agitação, ou seja, esse gás está a uma temperatura menor do que a segunda e terceira situação.

Observa-se que o gás quanto mais quente maior é a agitação, e por se agitarem mais há uma diminuição na sua densidade, que é a quantidade de partículas num determinado espaço. Concluímos, portanto, que quanto maior a temperatura mais leve fica esse gás.

O que ocorre no interior da geladeira é a mesma situação, o ar mais frio que está próximo ao congelador desce, por ser mais denso, enquanto o ar quente dos alimentos sobe, por ser menos denso. Para que ocorra esse deslocamento de ar as grades das geladeiras são vazadas. Esse é um processo de propagação de calor chamado de correntes de convecção, que ocorre em fluidos, devido às moléculas se movimentarem com facilidade, através do transporte de matéria, devido a uma diferença de densidade.

Isso ocorre também com o ar condicionados em regiões tropicais como no Brasil, onde os aparelhos normalmente são colocados na parte superior de uma sala, para que ocorram as correntes de convecção. Hoje já existem geladeiras que o congelador fica na parte inferior ou separado, logo o sistema de refrigeração não funciona da forma explicada acima.

(Atividade elaborada pelos alunos do curso de Física na disciplina de Estágio Supervisionado I no ano de 2011, sob a orientação do Prof. Msc. Ricardo Francisco Pereira).

Entry filed under: Sem categoria. Tags: , , , , , , , , , , .

Neurocisticercose Porque em dias de frio quando respiramos, soltamos “fumaça” pela boca?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Site do MUDI

Arquivo


%d bloggers like this: