Giardíase: ainda um problema!?

23 de Abril de 2014 at 22:13 Deixe um comentário

Mariana Felgueira Pavanelli

Farmacêutica. Mestre em Ciências da Saúde e Doutoranda em Biociências e Fisiopatologia da Universidade Estadual de Maringá. Docente do curso de Farmácia da Faculdade Integrado de Campo Mourão.

Giardíase é o nome dado à doença causada pelo parasito Giardia  intestinalis, que infecta o intestino e provoca sintomas como dor abdominal, diarreia, náusea e pode até levar ao surgimento de anemia, já que, uma vez no intestino, este parasito pode prejudicar a absorção de nutrientes. O portador desta doença, que pode ser um animal, elimina em suas fezes a forma infectante do parasito, podendo contaminar o solo, a água e os alimentos, principais formas de transmissão da doença.

11

Este tipo de infecção ainda apresenta altas taxas de ocorrência, sendo mais frequente em crianças, principalmente aquelas em idade escolar, já que é nesta fase que se inicia a ambientação social da criança. Dados prévios, de um estudo realizado na região de Maringá, apontam para uma ocorrência de giardíase em 19,5% dos humanos e 60% dos cães, taxas semelhantes ao encontrado em outros estudos do Brasil.

Infelizmente, na atualidade, muitos pediatras possuem o hábito de prescrever medicamentos antiparasitários sem realizar o diagnóstico prévio da doença. Dessa forma muitas crianças são expostas a um tratamento desnecessário, fato que vem sendo discutido por muitos estudiosos como responsável pelo surgimento de populações de Giardia resistentes aos medicamentos convencionais disponíveis para este fim.

12

O exame necessário para o diagnóstico da doença é o Exame Parasitológico de Fezes, uma técnica rápida de ser executada e que apresenta baixo custo, menos de dez reais para quem não realizar pelo Sistema Único de Saúde (SUS) ou não possuir convênio privado. A melhor forma de prevenção da doença é lavar as mãos após ir ao banheiro e evitar o consumo de água não filtrada e alimentos crus não higienizados e sanitizados.

Para qualquer doença o primordial é a prevenção, mas na suspeita lembre-se: o diagnóstico adequado é sempre a melhor solução!

Para saber mais:

http://www.cdc.gov/parasites/giardia/

http://www.ufrgs.br/para-site/siteantigo/Imagensatlas/Protozoa/Giardialamblia.htm

http://www.hojeemdia.com.br/minas/perigo-giardia-inimiga-invisivel-dos-cachorros-1.119696

http://www.abcdasaude.com.br/artigo.php?216

http://www.cve.saude.sp.gov.br/htm/hidrica/Giardiase.htm

 

 

 

Entry filed under: Sem categoria. Tags: , , .

Eclipse Lunar: “Lua Sangrenta” Endometriose x Infertilidade

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Site do MUDI

Arquivo


%d bloggers like this: