TAMPONAMENTO CARDÍACO

2 de Junho de 2016 at 13:36 Deixe um comentário

Karile Cristina da Costa 

Thais da Silva Regaçone

graduanda em ciências biológicas

 

O coração é composto pela sobreposição de tecidos diferentes, formando três estratos: túnica interna, média e externa.

A túnica interna é denominada endocárdio e compõem a superfície externa de todas as cavidades do coração. A túnica média ou  miocárdio, é a camada mais espessa da parede do coração. Já a túnica externa chamada pericárdio  tem forma de “saco”, envolvendo o coração e fixando-o na cavidade torácica , sendo dividido  em ter folhetos um fibroso e dois serosos.

O pericárdio fibroso é o mais externo e  muito resistente. Enquanto o pericárdio seroso é delgado e está aderida ao pericárdio parietal. E a ultima lamina serosa é denominada epicárdio e está em contato com o coração. Entre as laminas parietal e o epicárdio do pericárdio seroso, existe uma cavidade estreita preenchida de pelo liquido pericárdico, que facilita o deslizamento entre as laminas durante os processos de contração e dilatação que ocorrem para realizar os batimentos do coração.

Imagem 1.

Imagem 1.

Nesta cavidade do pericárdio pode ocorrer o acumulo de liquido ou sangue levando ao Tamponamento Cardíaco. Neste caso, o bombeamento ineficiente do sangue diminui a pressão arterial, podendo causar choque (quando o sistema circulatório não consegue exercer suas funções) e morte, se não tratada a tempo.

São inúmeras as circunstâncias que podem causar um tamponamento, entre as mais importantes estão: Trauma no tórax por acidentes; História de câncer, especialmente dos pulmões e coração; Hipotireoidismo: diminuição na produção de hormônios da glândula tireóide; Pericardite: doença do coração que resulta de infecções bacterianas ou virais; História de insuficiência renal; Ataque cardíaco recente; Cirurgia recente do coração que causem lesões no pericárdio. Essas são possíveis causas para o rompimento de parte do miocárdio que provoca o extravasamento do sangue para a cavidade revestida pelo pericárdio.

Os sintomas do tamponamento cardíaco são os seguintes: Redução da pressão arterial; Aumento da freqüência respiratória e cardíaca; Veias do pescoço distendidas; Dor no tórax; Queda do nível de consciência; Pés e mãos frias e roxas; Falta de apetite e dificuldade para engolir: Tosse e dificuldade para respirar.

O tratamento pode ser realizado pela tomada de analgésicos (ex.: morfina) que visam  estabilizar o quadro até que o líquido possa ser retirado através de cirurgia; também a reposição do volume de sangue do organismo; A a administração de oxigênio que reduz a carga sobre o coração, diminuindo a necessidade que os órgãos possuem de fluxo sanguíneo; A cirurgia provisória para retirada do líquido em excesso do coração (Pericardiocentese)  ou cirurgia definitiva para reparo na lesão cardíaca (Toracotomia).

Inclusive, o  Museu Dinâmico Interdisciplinar possui uma peça anatômica de coração com tamponamento disponível para seus visitantes visualizarem.

PARA SABER MAIS ACESSE: 

http://www.tuasaude.com/tamponamento-cardiaco/

http://medicos-especialistas.blogspot.com.br/2013/01/tamponamento-cardiaco.html

Referencias:

http://www.tuasaude.com/tamponamento-cardiaco/ ACESSADO EM: 11/04/2016 as 10:39 am.

NETO, M. H. M (org.). Anatomia Humana: Aprendizagem Dinâmica. 3.ed.  Maringá: Chichetec, 2008.

Entry filed under: Sem categoria. Tags: .

COMO IDENTIFICAR OS SINAIS E SINTOMAS DO AVE ? A DEPRESSÃO É DOENÇA SIM!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Site do MUDI

Arquivo


%d bloggers like this: